Página Inicial

Prysmian será a fornecedora de fibra óptica do projeto Xingu Conectado

Imagem retirada de http://www.telesintese.com.br/prysmian-fibra-optica-xingu-conectado/
Imagem retirada de http://www.telesintese.com.br/prysmian-fibra-optica-xingu-conectado/

A fabricante de cabos Prysmian foi escolhida fornecedora de fibra óptica do projeto Xingu Conectado. Iniciativa de Telebras e Prodepa, o projeto pretende criar um backbone óptico que atravessa 12 cidades do Pará, beneficiando 600 mil pessoas.

Pelo fornecimento, a Prysmian vai receber R$ 2,5 milhões. Serão entregues 400 Km de fibras à Ômega, a empreiteira contratada pela Norte Energia para executar as obras. O projeto Xingu Conectado é parte das contrapartidas exigidas da empresa de energia para construção da Usina de Belo Monte.

Cidades
As cidades interligadas serão Altamira, Anapu, Brasil Novo, Gurupá, Medicilância, Pacajá, Placas, Porto de Moz, Senador José Porfírio, Uruará, Vitória do Xingu e São Feliz do Xingu. A rede terá capacidade de 10 Gbps. Toda a infraestrutura será compartilhada com as operadoras e provedores da região.

Os cabos ópticos são produzidos na planta da Prysmian em Sorocaba (SP) e entrega deverá ser concluída em setembro.

Ao todo, o projeto Xingu Conectado é estimado em R$ 14 milhões. Além do backbone óptico, deve contar com dois links de rádio de alta capacidade. Estes serão feitos nas cidades de Vitória do Xingu e Senador José Porfírio. A expectativa é que a rede esteja concluída até meados de 2018.

fonte: tele.síntese